Início » Notícias

Com a palavra, a equipe da Escola Caminho do Meio

Postado por em 23 de janeiro de 2013 – 4:09 PMUm comentário

Uma roda de conversa com a equipe da Escola Caminho do Meio encantou os participantes na última manhã do Encontro de Educação – Renovando Olhares e Práticas. Todos compartilharam um pouco do sonho de uma escola budista sem pregação religiosa, onde todos se consideram aprendizes de lucidez, e que mobiliza uma mandala de colaboradores em diferentes partes do país.

O diretor Fernando Bilhar e a coordenadora pedagógica Vanessa Krauskopf  explicaram o funcionamento da pedagogia dos Cinco Diani Budas no dia a dia, com as atitudes de acolher, oferecer, ampliar os horizontes, dar limites e transcender a aparente solidez das identidades.

Veja abaixo alguns trechos das falas da equipe da escola.

Fernando Bilhar – diretor

Nossa proposta é de ação no mundo e nós já vemos isso nas crianças. Um exemplo: nós não matamos animaizinhos que encontramos na escola, em vez disso pegamos um pote e devolvemos o bichinho para o mato. As crianças se envolvem para salvar o bichinho, é quase um acontecimento. Tivemos um relato de uma mãe que nos contou que um dia apareceu uma aranha na parede. Essa mãe não era  e fui pegar o chinelo. O filhinho disse: “Não mata! Pega um potinho”. A mãe foi procurar um potão, porque a aranha era grande, e deu um jeito de pegá-la. Devolveu a aranha para a natureza e com isso o menino ficou todo feliz.

José Antarki – professor

Estar na escola é muito bom como experiência pessoal. Somos pessoas de diferentes lugares, crescemos em diferentes espaços culturais, políticos e econômicos. É claro que encontramos conflitos e as crianças vivem aqui um pouco das dificuldades que terão no mudo. Quando acaba uma dificuldade, logo começa outra. No momento em que estamos avançando como grupo social global, não existe mais um povo isolado, é como se todos todos estivéssemos dentro da mesma escola. Por isso acho que nossa escola está trazendo novos conhecimentos, remoldando padrões neurológicos de nós mesmos.

Josiane Fontana – coordenadora administrativa

Durante o ano, as cinco sabedorias são vivenciadas nas escolas durante os bimestres. A equipe vai estudando de forma mais prática e as família também ficam sabendo e assim vão entrando na mandala. Buscamos realizar os jogos e brincadeiras dentro daquela sabedoria específica e aquilo vai tomando conta do espaço. Os pais nos dizem o que aconteceu em casa e com isso vamos nos fortalecendo. Nós nos movimentos com muitos altos e baixos, porque o processo ativo de mudanças dentro da equipe é muito forte.

Cintia Miró – professora

As crianças vêm quase ao natural, a gente acolhe e procura ver o que está acontecendo. Vamos ver suas qualidades e fortalecê-las. Com a criança fortalecida, podemos dizer coisas que estruturem seu mundo, que é a sabedoria do buda vermelho. Depois eu posso até dizer “não” para ela. Ela vai entender a razão daquele não, pois já está acolhida e forte. Chegamos então ao buda branco, que são as mil possibilidades que existem nas relações. Foi assim que consegui devagarinho me apropriar  das cinco sabedorias.

Alice Tesseler – secretária

Há uma linguagem da mandala da escola, que é tentar se ajudar nesse caminhar, compartilhando as dificuldades. A convivência é muito forte, então às vezes um de nós chora, o outro acolhe, alguns dias depois isso troca. Recentemente eu me emocionei fazendo entrevistas com pais nas rematrículas. Uma das mães me relatou que certo dia estava numa discussão com o marido, ambos falando alto, quando o filho disse a eles que parassem com aquilo. “A gente não precisa resolver isso assim”, o menino falou, e imediatamente eles identificaram aquilo como um reflexo das sabedorias aprendidas na escola.

Tags:, , ,

Um comentário »

  • Marcio Adriano Seno disse:

    Olá,

    Gostaria de saber mais sobre as associações entre os 5 diani Budas, as inteligências e o processo educacional.

    Obrigado.

    Marcio Adriano Seno

Deixe seu comentário!

Esse site usa o sistema Gravatar. Para que sua foto apareça, basta se cadastrar.

UA-32713989-1